Buscar
Seja bem-vindo à Editora Revan Já é cadastrado? clique aqui
Minhas Compras 0 itens
Você está em:
  • Página Inicial »
  • DIREITO »
  • Geral »
  • DUAS MARGENS:ideias jurídicas e sentimentos políticos no Brasil e em Portugal na passagem à modernidade

DUAS MARGENS:ideias jurídicas e sentimentos políticos no Brasil e em Portugal na passagem à modernidade

Foto
Passe o mouse para ativar o zoom Indique o produto
  • Compartilhe:
  • Avalie:
Comprar R$ 37,00
ou 5X de R$ 7,40 sem juros
  • 1X de R$ 37,00 sem juros
  • 2X de R$ 18,50 sem juros
  • 3X de R$ 12,33 sem juros
  • 4X de R$ 9,25 sem juros
  • 5X de R$ 7,40 sem juros

Ficha Técnica

Autor(es): GIZLENE NEDER
ISBN: 9788571064225
Idioma: Português
Edição: 1ª. Edição
Encadernação: Brochura
Número de Páginas: 240
Ano de Edição: 2012
Mensagem de disponibidade: disponivel
Formato: 14 X 21

Sinopse

Nesta pesquisa de pós-doutorado, realizada com o apoio da Fundação Gulbenkian, Gizlene Neder realiza análise histórica comparada com foco em dois intelectuais do campo jurídico que muito interessam a portugueses e brasileiros: Paulo Merêa, historiador das ideias políticas, e Clóvis Beviláqua, jurista, responsável pelo primeiro Código Civil do Brasil (1916). Merêa foi colega de turma na Universidade de Coimbra de dois futuros protagonistas do século XX português: o Cardeal Cerejeira e o Primeiro Ministro Salazar. Beviláqua participou ativamente das lutas jurídicas do nascente Brasil republicano.

O foco da análise está dirigido para temas que foram tratados no contexto da terceira escolástica: secularização da família, separação da Igreja do Estado, registro civil obrigatório para os nascimentos, secularização dos cemitérios com o registro civil dos óbitos, a concepção do casamento como contrato civil (código napoleônico) - com a conseqüente hipótese do distrato - versus a concepção do casamento como sacramento (direito eclesiástico canônico), com a conseqüente hipótese do casamento para “toda a vida”. Neste rol temático, comparecem ainda as questões da responsabilidade parental, da condição feminina e da filiação. Todas elas sujeitas às relações de força dos grupos e classes sociais envolvidas e às pugnas históricas a convocar crenças, nacionalidades, origens étnicas, religiões e tantas coisas mais para marcar diferenças, diversidades e assinalar choques e conflitos de interesses.

Leia também

NOTA DA AUTORA SUMÁRIO

Clientes também compraram

Certificações
Formas de pagamento
  • Crédito VISA
  • Crédito MasterCard
  • Web Boleto
  • Elo
  • Diners
  • Discover
  • American Express
Entre em contato
vendas@revan.com.br
(21) 2502-74-95 - (21) 2502-8697 - (21) 2504-5614
(21) 2504-5693 - (21) 99618-9750 (VIVO)
Copyright ©2019 Editora Revan. Todos os direitos reservados.

Newsletter