Funcoes da pena privativa de liberdade no sistema

Mais informações
Autor:
Claudio Alberto G. Guimaraes (veja mais livros deste autor)
Editora:
Revan(veja mais livros desta editora)

Por: R$ 53,00 Em 5x de: R$ 10,60

Comprar
disponivel
Consulte aqui o valor do frete e prazo de entrega do produto
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 53,00 sem juros
  • 2x de R$ 26,50 sem juros
  • 3x de R$ 17,67 sem juros
  • 4x de R$ 13,25 sem juros
  • 5x de R$ 10,60 sem juros
Avalie:

" Coerência e autonomia intelectual marcam "Funções da pena privativa de liberdade no sistema penal capitalista: do que se oculta(va) ao que se declara".Tendo como pano de fundo o debate atual sobre privatização/ terceirização dos presídios, Cláudio refaz o percurso histórico, tanto no campo doutrinário como filosófico, trilhado pela pena privativa da liberdade, analisando os discursos declarados sobre seus fins e legitimação, apresentando, as contradições entre eles e as efetiva utilização da prisão, para demonstrar a sua verdadeira feição econômica e, portanto, sua conformidade com o sistema capitalista.O ineditismo da obra está exatamente em demonstrar essa ligação entre a pena privativa de liberdade e os postulados econômicos de feição capitalista que, em um primeiro momento apresentaram um discurso que tinha a função de ocultar sua verdadeira finalidade, mas que a globalização neoliberal terminou por revelar o que estava oculto, deixando às claras essa ligação entre uma e outros, como se denota do debate antes referido (privatização/terceirização do sistema penitenciário).Para rever e superar o positivismo jurídico-penal, o marco teórico utilizado na obra foi a Criminologia Crítica, de víeis marxista, especialmente os postulados teóricos de Alessandro Baratta e Vera Regina Pereira de Andrade.O autor deixa expressa uma certeza: "imperioso e urgente que se fortaleça o discurso crítico como forma prioritária, de conter os excessos punitivos que diuturnamente advêm das práticas penais hodiernas, cada vez mais voltadas para a defesa de interesse segmentados". Com isso fica claro que não se trata de um discurso sobre abolicionismo penal, mas sim um trabalho que busca superar as contradições do positivismo jurídico-penal, infirmando o discurso da ressocialização, e buscando alternativas que garantam uma outra realidade do sistema penal, evitando, por exemplo, a exploração econômica advinda da privatização/terceirização do sistema penitenciário.Paulo de Tarso BrandãoPromotor de Justiça, Mestre e Doutor em Direito SOBRE O AUTOR: Claudio Alberto Gabriel Guimarães nasceu em São Luis do Maranhão onde se graduou em Direito pela Universidade Federal do Maranhão – UFMA, em 1991. Em 1992 obteve aprovação em concurso público para o cargo de Promotor de Justiça do Estado do Maranhão. Tornou-se Especialista em Direito, Estado e Sociedade pela Universidade Federal de Santa Catarina e concluiu a Especialização em Docência Superior pelo Centro Universitário do Maranhão – UNICEUMA para em seguida, concluir o Mestrado em Direito Público pela Universidade Federal de Pernambuco, doutorando-se em Direito Penal por essa mesma Universidade. Recentemente, em 2006, obteve o título de Doutor em Criminologia pela Universidade Federal de Santa Catarina. É atualmente Coordenador Estadual da Associação Brasileira de Professores de Ciências Penais – ABPCP, membro fundador do Instituto Pan-americano de Política Criminal – IPAN, Professor dos cursos de graduação e pós-graduação do Centro Universitário do Maranhão - UNICEUMA e Professor das Escolas Superiores dos Ministérios Públicos dos Estados do Maranhão e Santa Catarina. "

Código de barras:
9788571063556
Dimensões:
2.00cm x 16.00cm x 23.00cm
Edição:
1ª. Edição 2008
Marca:
Revan
Idioma:
Português
ISBN:
9788571063556
ISBN13:
9788571063556
Número de páginas:
352
Peso:
500 gramas
Encadernação:
Brochura

Sobre os autores

  • Nome do Autor CLAUDIO ALBERTO G. GUIMARAES